Quadragésima Primeira... | Sal da Terra Luz do Mundo

Facebook Twitter


2015-08-18


Quadragésima Primeira Aparição


Ana Lúcia Vasconcelos


Quadragésima Primeira Aparição

Capitulo 17

41º. a 49º. Aparições

 

 

30 de Dezembro de 1975, às 17.30h

 

Aparece a Luz. Porém Cristo tarda um pouco a apresentar-se e só Se manifesta quando Madalena se pôe de joelhos diante da Luz. Do Coração de Jesus jorram os raios vermelhos e brancos. Ele estende a mão direita para a assistência e diz :

Sexto dia

« Receberei na morada do Meu Coração as crianças e as almas humildes, para que conservem um especial afeto ao Nosso Pai dos Céus. »« Pai Nosso » que Madalena reza, assim como as três « Avé-Marias », « Pela Vossa dolorosa Paixão Senhor, tende piedade de nós e do mundo inteiro, Glória a Deus nas Alturas, Paz e Alegria na Terra aos homens que Ele ama. » « Faz o Sinal da Cruz »« Talvez eu esquecesse alguma coisa, se Jesus não mo dissesse de cada vez », diz Madalena.E Jesus desaparece.

 

Quadragésima segunda aparição

 

31 de Dezembro de 1975-  17 .15h

Como nos dias precedentes, aparece a Luz e depois Jesus apresenta-Se, com a mão esquerda sobre o Coração, de onde saem raios vermelhos e brancos, e a mão direita estendida para a assistência.

 Sétimo dia

« Concederei graças de toda a ordem aos que, conhecendo a Minha Mensagem, perseverarem até ao Fim. »« Pai Nosso... Avé Maria... » (três vezes).« Pela Vossa dolorosa Paixão Senhor, tende piedade de nós e do mundo inteiro, Glória a Deus nas Alturas, Paz e Alegria na Terra aos homens que Ele ama. » « Faz o Sinal da Cruz. »Os raios desaparecem, a túnica volta ao normal e as Suas mãos novamente se estendem para Madalena.Jesus diz-lhe ( sem mandar repetir alto) :« Dentro de três dias, vai dizer ao magistrado desta cidade que Jesus de Nazaré triunfou da morte, que o Seu Reino é eterno e que Ele vem para vencer o mundo e o tempo. Se ele te perguntar quem te envia, diz-lhe que é Jesus de Nazaré, o Filho do Homem ressuscitado. Leva-lhe a Mensagem, para que ele a conheça. »« Diz-lhe que Deus o encarrega de dar à Igreja o terreno de que ela deve tornar-se proprietária. »Madalena : « Mas se eu for mal recebida  ? »Jesus sorri :« A sua aparência será brusca e desagradável, mas o seu coração será transformado ; só a sua dignidade não permitirá que isso transpareça. »Madalena : «Senhor, farei a Vossa Vontade. »Jesus desaparece. O Padre estava ausente. Quando ele regressa, a Irmã B. transmite-lhe esta mensagem. Em consequência, o Padre, que nada quer fazer sem a opinião do Bispo, proíbe a Madalena de levar a mensagem ao Presidente da Câmara (o « magistrado » da cidade).Madalena tinha toda a intenção em fazê-lo.Ela escreve : « A quem devo obedecer  ? A Cristo ou à Igreja  ? Foi esta a segunda vez que desobedeci a Jesus. O Senhor Prior é que me proíbe, mas também conheço o valor da obediência... ». E ela foi então à capela e lá reencontrou a paz. Apesar desta proibição, Madalena, acompanhada pela Senhora A., foi transmitir a mensagem ao Presidente de Câmara, depois de ter pedido uma audiência. Ele acolheu-as muito bem e depois contatou o Padre. Nessa mesma noite, este mandou as Irmãs irem ter com Madalena para lhe manifestarem o seu grande desagrado pela visita dela ao magistrado.

 

Quadragésima terceira aparição

1 de Janeiro de 1976- 17. 40h

Aparece a Luz e depois Jesus, que mostra o Seu Coração, de onde saem os raios vermelhos e brancos. Os mais numerosos são os vermelhos, que parecem sangue jorrando de uma fonte, a Fonte da Vida. São vivos, sobem um pouco antes de cair, como um repuxo, e renovam-se constantemente.

Jesus diz : (e Madalena repete alto, como nos dias precedentes)

 Oitavo dia

« Aliviarei as almas do Purgatório, o Meu Sangue apagará as suas queimaduras. »« Pai Nosso... Avé Maria... » (très vezes).« Pela Vossa dolorosa Paixão Senhor, tende piedade de nós e do mundo inteiro, Glória a Deus nas Alturas...   Jesus ergue o olhar para o longe :...Paz e Alegria na Terra aos homens que Ele ama. » E, retirando a mão esquerda do coração, os raios desaparecem.« Faz o Sinal da Cruz. »Jesus volta a sorrir e desaparece.

Quadragésima quarta aparição

 

Sexta, 2 de Janeiro de 1976- 17. 53h

Como habitualmente, primeiro aparece a Luz e depois Jesus, que mostra o Seu Coração resplandecente.

 Nono dia

« Aquecerei os corações mais endurecidos, as almas geladas, as que mais profundamente ferem o Meu Coração. »« Pai Nosso... Avé Maria... » (três vezes).« Pela Vossa dolorosa Paixão Senhor, tende piedade de nós e do mundo inteiro, Glória a Deus nas Alturas, Paz e Alegria na Terra aos homens que Ele ama. » « Diz isto em voz alta » : (Madalena vai repetindo cada frase.)« Prometo às almas que forem arrepender-se junto da Cruz Gloriosa e que todos os dias disserem a oração que lhes ensinei, que, nesta vida, Satanás não terá mais poder sobre elas, e que, por maior que tenha sido o seu tempo de pecado, num instante se tornarão puras e serão filhos de Deus para a Eternidade. O Meu Pai, cuja Bondade é infinita, quer salvar a Humanidade, que está à beira do abismo. Por esta última Mensagem, tendes de preparar-vos. »« Faz o Sinal da Cruz. »Depois Jesus baixa as mãos e diz, sem mandar repetir :« Sem dizer uma palavra, medita no teu coração nas palavras que ouviste. Apesar do tempo que há-de passar, a tua fé deve continuar inabalável. »Jesus sorri e desaparece.Madalena escreve :« Eis que acabaram estes maravilhosos nove dias. Pelas últimas palavras que Jesus me disse, pensei que, pelo menos em breve, não voltaria a vê-lo... Os meses correm e Jesus não reaparece. Sem dúvida a Sua Mensagem terminou. Mas apesar da Mensagem que Jesus pede que seja anunciada ao mundo e que a Igreja deve reconhecer sinto uma grande paz... Ó meu Deus, venha a nós o Vosso Reino, mas fazei que, antes, a Vossa Mensagem se espalhe pelo mundo inteiro... »« Rezo por aqueles que duvidam, para que Jesus os ilumine... Ele está sempre presente no meu coração, sobretudo depois de cada comunhão... » Madalena reza e faz penitência para que se cumpra o desígnio de Deus.

 

Uma aparição para Gérard

cuja história merece ser contada

   Depois Gérard veio a Dozulé e Madalena sempre acreditou que foi Deus que o enviou. Pôs nele toda a confiança e entregou-lhe os seus cadernos, escritos com o auxílio do Espírito Santo. E na sexta 10 de Dezembro de 1976, Madalena convidou-o a ir à capela. Após vinte minutos de recolhimento, ela viu o Arcanjo S. Miguel (*) sair da parede à esquerda do sacrário. Disse-lhe Ele :« Saúdo-te. Diz ao Gérard que é a ele que me dirijo :« Gérard, tu que acolheste a Mensagem com tanto amor, faz o que te ditar a consciência depois de te teres recolhido. Deixa-te guiar por Deus. Os que não quiserem escutar a Mensagem não serão chamados filhos de Deus. » Madalena comentou esta aparição de Saõ Miguel: « Eu estava bem na capela, não me sentia transportada ao Céu como quando é Jesus que me aparece. »

   Mas para que tudo se esclareça as circunstâncias da vinda de Gérard a Dozulé merecem ser contadas. Numa obra do escritor Jean Guitton, o abade L'Horset nota uma frase muito parecida com uma das suas sobre o mesmo assunto e fá-lo notar a esse escritor .Este responde que essa frase é de Gérard C., de que lhe manda o endereço. Gérard C., contactado pelo Abade L'Horset, vem a saber por este, casualmente, que na sua paróquia há uma mística. Ora Gérard C., que é um politécnico, grande especialista de ótica,  desde 1933  e também se interessa por todos os fenómenos místicos e em especial pelas aparições contemporâneas. Portanto sente-se feliz por ser acolhido em Dozulé, onde chega pela primeira vez precisamente em 14 de Setembro de 1976, festa da exaltação de Santa Cruz. Depois de vários meses de inquéritos e austeras verificações, ganha a certeza da autenticidade da Mensagem única e definitiva dada por Jesus a Madalena, assim como das raras qualidades de equilíbrio e sabedoria desta. Então ele empreende também a difusão da Mensagem, que se mantinha secreta desde 1972 .Mas por causa disto, é reprovado pelass autoridades religiosas. Madalena tencionava escrever-lhe pedindo-lhe que não voltasse a Dozulé, quando um acidente de automóvel pôs fim à sua vida terrestre, no dia 12 de Julho de 1977. Gerard tinha se certificado de que a construção da Cruz Gloriosa não apresentava  qualquer problema técnico, deixando registrados os necessários estudos .

Quadragésima quinta aparição

 

Sexta, 1 de Julho de 1977

« O Sr. Prior partiu para Caen (ou Bayeux) para se encontrar com o Bispo. A Irmã B. estava também ausente. Madalena e a Senhora T. estavam sózinhas, nesse momento, na capela. Madalena escreve :« Ouvi um ruído e o Arcanjo S. Miguel apresenta-se, à esquerda do Santíssimo Sacramento ; ajoelho-me diante dele, mas faz-me sinal com a mão esquerda, livre, para que me aproxime do Santíssimo Sacramento.Portanto, afasto-me ; e no momento em que me ponho de joelhos diante d’Este, começa a projectar raios vermelhos e brancos, sem que eu veja o Senhor.Jesus está ali, pois sinto-me impregnada pelos Seus raios. O Arcanjo diz-me : « Saúdo-te. » E cumprimenta-me com a cabeça, dizendo :« Piedosa filha, ardente de caridade, Deus estabeleceu na Sua Igreja :1° Apóstolos, 2° Profetas, 3° Doutores, e todos os mais que Ele escolhe. Mas tu, neste mundo de hoje, apóstola e profeta, deves agir com cada um segundo o teu coração : o Consolador guia-te. Deus deu a conhecer o que deve acontecer amanhã à aurora, dando testemunho de que viste, ouviste e tocaste Jesus. Mas ai do mundo, por causa dos padres atrevidos, que lutam e recusam. Deus está encolerizado contra esta recusa de obediência e a Sua cólera é cruel. Mas Jesus, tão Sábio, tem um tal amor pelos homens que quer salvá-los apesar de tudo, pois esta geração é a mais hipócrita e a pior ; mas, por causa dos padres que não agem e porque chegou o dia em que Deus deve julgar o mundo, dá a Sua Graça a todos os que O escutam e proclama bem-aventurados os que dão a conhecer a Sua Mensagem e a põem em prática. Mas tu, Madalena, que recebeste o encargo de transmiti-la ao Padre, escuta-o e comunica com ele. Fica na Paz que Jesus te deu, medita no teu coração e reza, reza, pois Jesus chora a degradação da Sua Igreja. »O Anjo desaparece. E desaparecem em seguida os raios que rodeavam o Santíssimo Sacramento.

 

 

Nota-O Senhor tinha explicado bem que o Padre não deveria deixar a sua paróquia sem o cumprimento da tarefa que lhe tinha pedido (6ª aparição). O Bispo, querendo assegurar-se quanto à persistência das aparições se mudasse de padre, anunciou em 1/7/77 ao Abade L’Horset a sua mudança para Pont-Farcy. Ainda que a contragosto, este aceita, pois pensa que assim servirá a causa da Mensagem. É curioso notar que, ao dirigir-se à convocação do Bispo, seu carro  acusou um problema o mesmo acontecendo com o carro da Irmã que veio ajudá-lo. O abade L’Horset estava muito impregnado da Mensagem e tinha organizado reuniões para comentá-la.Seu sucessor, abade Queudeville, que não tinha conhecimento das aparições fica sabendo que no dia 12 de Julho de 1977 morrido de Gérard Cordonnier.

Quadragésima sexta aparição

 

Sexta, 2 de Dezembro de 1977, na capela

Depois da Luz, os raios saem da Hóstia e Madalena ouve uma voz que lhe diz :« Queres ter a bondade de entregar os teus manuscritos ao Padre designado pelo homem ? »O que Madalena fez.

 

Quadragésima sétima aparição

 

Sexta, 3 de Fevereiro de 1978, -18.15h

É Madalena quem fala :« Fui à capela à tarde, das 14 h às 16 e 30, para adorar Jesus. Voltei lá novamente às 17 h e 30, depois de ter dado a merenda às crianças, no seu regresso da escola.Creio que me senti atraída para ir a capela àquela hora. Ouvi darem as 18 h e 15 no sino da Igreja, e só ali havia uma pessoa ; estremeci de alegria quando vi a Luz surgir no lugar do Santíssimo Sacramento, como das vezes precedentes, isto é, era como se não houvesse ali exposto o Santíssimo Sacramento, nem o altar. Jesus voltou a aparecer-me com as mãos estendidas, como para me acolher.Senti-me fehiz, pois nunca mais tinha voltado a ver Jesus, em pessoa, desde o dia 2 de Janeiro de 1976 (fim da novena). »Jesus disse-me :« Faz o Sinal da Cruz » Depois levanta o olhar para o céu, une as mãos à altura do peito e diz  :« Em Nome do Meu Pai dos Céus, venho pôr as coisas em ordem. Satanás seduziu-te. Após o nono dia das promessas que fiz à Humanidade, ele veio trazer a confusão à Minha Mensagem (*). Mas escuta bem isto :Jesus olha para mim :« Quando Deus-Pai envia o bem-aventurado Miguel, a Luz precede sempre a sua vinda e lembra-te das Minhas palavras : virão maus espíritos em Meu Nome, que vos seduzirão e virão mesmo até as vossas casas, como anjos de luz. Não acrediteis neles, pois induzir-vos-ão em erro. Mantende-vos alerta ; já ficas prevenida. Viveis no tempo em que Satanás está desencadeado com toda a sua força ; mas o Tempo está próximo e Eu venho vencer o Mal. »Depois Jesus baixa as mãos como que para me acolher, sorri-me longamente e diz  :« Tu, Madalena, que és o único sinal visível da Minha Mensagem, não mais cairás no erro. Daqui em diante, sou Eu que to ordeno  : Faz o Sinal da Cruz, logo que te apareça qualquer luz. Se fôr Satanás, logo tudo desaparecerá. »Jesus volta a sorrir-me prolongadamente, e depois diz-me :« A Paz esteja contigo. »E são as trevas.« As Irmãs tinham ido à missa em Brucourt ; supondo que as portas estavam fechadas, voltei logo para casa, para escrever e fechei-me na casa de banho, pois é a única porta que se pode fechar à chave. Mal podia escrever tais eram as minhas lágrimas : tinha sido enganada por Satanás  ! E Jesus, cheio de bondade, tinha vindo avisar-me ! »

 

(*) Era Satanás ele mesmo que se tivesse apresentado, o Senhor revelou-o na 47º. aparição.

 

(*) Em 1976, antes de chegada de Gérard C., um dia o Padre tinha-lhe dito  : (*) Em 1976, antes de chegada de Gérard C., um dia o Padre tinha-lhe dito  :« Desconfie do demónio, tenha cuidado, pois ele é muito forte ». Ela lembra-se de ter respondido : « Oh, Sr. Prior, não o conheço, nunca o encontrei ; não tenho nada com ele. » Nesse dia 3 de Fevereiro reconheceu que o Padre tinha razão. É preciso saber que entre as aparições de Cristo, em 2 de Janeiro de 1976 e a de 3 de Fevereiro de 1978, isto é, no espaço de uns dois anos, Madalena tinha-se apercebido de um certo número de manifestações sobrenaturais que a pertubavam. Primeiro o Abade L’Horset e depois o próprio Cristo fizeram-na reconhecer a origem diabólica de tais manifestações.

Nota :No princípio de 1978, uma tempestade derrubou a cruz do belo cruzeiro de granito esculpido de Dozulé, a qual, ao cair, arrastou consigo a imagem de Cristo, em cujas mãos os dedos polegar e indicador se uniam naquela posição tão altamente simbólica. Mãos piedosas ergueram o belo Cristo e estenderam-no no chão aos pés do cruzeiro, e Ele ali ficou até poucos dias antes de 28 de Março de 1981. Agora só uma pequena Cruz substitui a imagem de Cristo no alto da coluna.

 

Quadragésima oitava aparição

Sexta, 7 de Julho de 1978, às 14 h, na capela

Madalena :

« A Luz aparece-me no lugar do Santíssimo Sacramento, alargando-se um pouco mais do que é costume.Faço logo o Sinal da Cruz como Jesus me disse da vez precedente, e digo :« Que isto desapareça, se fôr Satanás. »« Logo que fiz o Sinal da Cruz, e que disse estas palavras, senti apoderar-se de mim uma paz e uma grande confiança. »Depois Jesus apareceu, sorriu e disse-me :« Diz-lhes o que estás a ver. »« Vejo Jesus sentado, tendo à Sua frente uma mesa semelhante a um altar, mas não era o altar da capela, que tinha desaparecido. Era uma mesa completamente branca, como se fosse de pedra branca. Sobre esta mesa estavam livros abertos, seis ou sete, não sei exactamente quantos. Jesus tinha nas mãos um outro Iivro, também aberto.Disse-me a seguir :« Queres ter a bondade de ler isto em voz alta ? »Eu ia repetindo cada frase  :« Atenção, a todos vós que mantendes veladas as Palavras proféticas que vos foram entregues, o livro que seguro nas Minhas mãos é o LIVRO DA VIDA, que o Meu Pai me entregou e Me deu o poder de abrir, e é sobre esta montanha bendita e sagrada, lugar por ele escolhido, que todas as coisas vão ser renovadas. É aqui que vereis a Cidade Santa, a nova Jerusalém. E eis que aparecerá a morada de Deus entre vós. Então os que lutam e recusam ouvir as palavras pronunciadas por esta humilde serva baterão no peito. Vós, a quem Eu pedi que anunciasseis a Minha Mensagem, sois culpados de deixar o mundo na ignorância do que vai acontecer em breve. Não vos firmeis nas vossas próprias opiniões. Porque relutais, se Eu vos dei a Minha Graça dogmática ? Por piedade, peço-vos que Me escuteis, pois o Meu Coração transborda de Misericórdia. »Jesus levanta-se. A mesa desaparece, Ele sorri para mim longamente, depois diz-me :« Diz ao Padre e a todos os que encontrares o que acabaste de ver e ouvir ; vais lembrar-te de tudo durante todo o dia. »Depois Jesus desaparece de repente « e eu volto a ficar nas trevas. »

 

Quadragésima nona e ultima aparição

Sexta, 6 de Outubro de 1978, às 9 .15h

Para fazer uma visita ao Santíssimo no sacrário, Madalena chega às 9 h à capela. Esté só e é assim que ela conta :« Às 9 h e um quarto, aparece a Luz ; pensei em ir buscar a Irmã B., mas não tive tempo. Jesus apareceu-me logo, com as mãos estendidas para mim, como para me acolher », e disse-me :« Faz o Sinal da Cruz. »Sempre a sorrir, junta as mãos e diz, depois, com ar triste  :« Reza e faz penitência sem descanso. »Com ar grave :« Pela terceira vez, Madalena, peço-te que sejas Meu Apóstolo, cumprindo a tarefa que te pedi. Não temas, pois serás odiada por Minha causa. Mas depois surgirão filhos da Luz nesta cidade. »E depois de um silêncio :« Hoje ainda Me vês, mas não mais Me verás, e no entanto Eu continuarei a visitar-te pelo Meu Corpo e pelo Meu Sangue. »E depois de um silêncio :« Mas quando esta Cruz for elevada da terra, ali Me voltarás a ver, pois nesse momento, desvendarei às Igrejas os mistérios que estão escritos no LIVRO DA VIDA que acaba de ser aberto. Diz ao Bispo o que acabas de ver e ouvir. »Em seguida Jesus sorri-me e diz  :« Apesar das minhas súplicas, não te inquietes, pois tens uma sabedoria que mais ninguém tem ; a tua calma e silêncio são os sinais visiveis da Minha Palavra neste mundo em que dominam a acção e o arrojo. Que o teu rosto reflicta sempre a Presença Invisivel. Digo-te, obedece ao teu Superior. Só ele tem o cargo de, nesta terra, fazer a vontade do Meu Pai ; mas ai do mundo, porque ele demora a cumpri-la. »Depois Jesus sorri-me ainda uma vez e desaparece.

Nota  : - Antes desta Aparição, Madalena tinha feito uma novena para saber a quem obedecer. O Senhor bem tinha dito que já não se estava no tempo em que Ele ressuscitava os mortos, mas que tinha vindo a altura em que devia ressuscitar os espíritos. (31ª e 33ª ap.) Uma tal ressurreição deu se em 1979, para grande alegria de Madalena, pois tratou-se do seu marido, a quem ela revelou nesse ano as suas visões e aparições de Cristo. O marido, homem reto e sensato, como a esposa lhe assegurou que tinha visto a Cruz Gloriosa, comoveu-se com isso até às lágrimas e voltou, pela primeira vez após muitos anos, a ajoelhar-se e a rezar na capela.

 

 

 

 

 Para saber mais :

 

http://www.cruzdedozule.com.br/

 

http://www.conchiglia.us/PORTUGAL/PT_dozule/PT_dozule.htm

 

 

 

 

 

 

 

 


postado em Revelações

Veja outros textos do Autor

O Fim dos Tempos ou o Tempo do Fim Ou ainda o Tempo da Ira

As Últimas Revelações Jesus e Maria para a humanidade

Nos domínios da mística

Igreja não revela a tempo os segredos de Fátima

O Terceiro segredo de Fátima

La Salette anuncia Fátima

As aparições de Medjugorje confirmam Fátima

A Virgem aparece em Medjugorje

Os Segredos revelados em Medjugorje

Aparições revelam mundo invisível

Capitulo 10 - Revelações do século XX

As primeiras dez aparições de Jesus à Madalena Aumont em Dozulé, na França

Jesus revela o plano de Deus para o mundo

Ele anuncia nova evangelização e pede a construção da cruz

Jesus fala da água da purificação

Jesus confia à Madalena a missão de evangelizar pela mensagem

Do coração de Jesus saem raios vermelhos e brancos

Discernindo as aparições de Dozulé

Testemunhas da Cruz confirmam as aparições a Madalena Aumont

O Meu Coração vos fala em todo o mundo

Profetas são fachos no meio das trevas do mundo

ERRO